ENERGY
energia-inovadora-2024-rede-brasil-inovador-ecossistema-hub-startup-aldo-rosa-absolar-energy-summit-global-rio
rede-rs-cidade-2024-brasil-inovador-rio-grande-sul-aldo-rosa-ceo-reconstrucao-doacoes-resgate-acolhimento-abrigo-municipio-enchente-randoncorp-daniel-instituto-elisabetha-randon
energia-inovadora-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-aldo-rosa-ceo-palestrante-ecossistema-hub-startup-absolar-gas-ibpg-rio

B20 Brasil no dia 29.01.23 no Rio de Janeiro

B20 Brasil no dia 29.01.23 no Rio de Janeiro

Com o governo brasileiro no comando do G20 desde o início de dezembro, o B20, principal grupo de engajamento do bloco econômico passou a ser liderado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). A iniciativa conecta a comunidade empresarial aos governos do grupo que reúne as maiores economias do mundo, com a missão de elaborar sugestões do setor privado que influenciem o processo de tomada de decisões nas pautas prioritárias dos respectivos governos.

Em 2024, as discussões do B20 Brasil serão realizadas em sete forças-tarefas e um conselho de ação, liderados por grandes executivos brasileiros. Todos os trabalhos serão orientados pelo tema “crescimento inclusivo para um futuro sustentável” e pelos pilares definidos a partir dele:

  • promover o crescimento inclusivo e combater a fome, a pobreza e as desigualdades;
  • promover uma transição justa para net zero;
  • aumentar a produtividade por meio da inovação;
  • promover a resiliência das cadeias globais de valor e
  • valorizar o capital humano.

Ao longo dos próximos meses, as forças-tarefas e o conselho de ação vão se dedicar aos debates e propostas dentro dos seus temas de trabalho. Empresas brasileiras podem se inscrever até o dia 31 de dezembro (saiba aqui como). Conheça quem vai liderar esse debate.

Francisco G. Neto – Embraer

Homem branco de terno sentado em palco com fundo azul e verde

Qual o tema? Força-tarefa de Comércio e Investimento

O que já fez? À frente da Embraer desde 2019, Francisco Gomes Neto acumula uma experiência de 20 anos como presidente de grandes empresas. Engenheiro elétrico especializado em Administração de Empresas e com MBA em Controladoria e Finanças, já atuou como  CEO da alemã Mann-Hummel para Américas, Nafta e Brasil. Também foi diretor-executivo da Knorr Bremse Veículos Comerciais Brasil e da Knorr Bremse Sistemas Ferroviários Brasil, depois de escalar na empresa posições como gerente de Assistência Técnica, gerente de Engenharia de Aplicação e gerente comercial.

Gomes Neto atuou, ainda, como membro de conselhos empresariais da Tata Marcopolo Índia; da Superpolo Colômbia; da Metalpar e da Metalsur Argentina; da GBPolo no Egito; da OESA – Original Equipment Supplier Association em Michigan (EUA); e do Sindicato Indústria de Autopeças (Sindipeças), do Brasil.

Luciana Ribeiro – EB Capital

Mulher branca com blusa branca

Qual o tema? Força-tarefa de Finanças e Infraestrutura

O que já fez? Uma voz líder em investimentos relacionados ao clima, Luciana Antonini Ribeiro é sócia-fundadora da EB Capital, uma gestora brasileira de private equity (modalidade de investimento alternativo aplicada em empresas privadas). A líder da força-tarefa é formada em Direito pela Universidade de São Paulo (USP), tem MBA pela Columbia Business School e desenvolveu boa parte da carreira no Grupo RBS, onde atuou por mais de 15 anos e foi responsável pela área jurídica e de desenvolvimento de negócios.

Com o desempenho, Luciana foi reconhecida como uma das 20 mulheres mais poderosas do Brasil pela revista Forbes e eleita uma das 100 mulheres mais inovadoras do país pela revista Época Negócios. Por seis anos consecutivos, foi indicada como uma das mulheres líderes em investimentos na América Latina pela Associação para Investimento de Capital Privado na América Latina (Lavca). Além disso, em 2019, recebeu o Prêmio Sabiá Laranjeira da Plataforma de Liderança Sustentável em reconhecimento à sua liderança como ativista. Luciana também faz parte da assessoria técnica do Climate Hub, lançado pelo Columbia Global Center, no Rio de Janeiro.

Luciana também é presidente do Brazil Climate Summit (BCS), uma iniciativa de líderes empresariais brasileiros, estudantes e ex-alunos da Columbia University e do Columbia Global Center, no Rio de Janeiro.

Walter Schalka – Suzano

Homem branco de camisa branca em fundo colorido

Qual o tema? Força-tarefa de Emprego e Educação

O que já fez? CEO da Suzano há 11 anos, o engenheiro Walter Schalka desempenhou papel estratégico na evolução dos resultados da companhia nos últimos anos, incluindo a fusão com a Fibria Celulose. É formado pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e pós-graduado pela Fundação Getulio Vargas (FGV), pela International Institute for Management Development (IMD) e pela Harvard Business School. Iniciou sua carreira no Citibank, passou pela holding financeira do Grupo Klabin-Maepar e presidiu a Dixie-Toga em meio a processos de expansão, fusões e transferência do controle acionário da empresa.

Também foi presidente da Votorantim Cimentos, responsável pelas operações no Brasil e em 14 países, além de ser eleito pela RISI (agência de informações sobre a indústria de base florestal) o CEO do ano para o setor de celulose e papel na América Latina em 2015, 2016 e 2017.

Ricardo Mussa – Raízen

Homem branco de camisa azul

Qual o tema? Força-tarefa de Transição Energética e Clima

O que já fez? Formado em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica da USP, Ricardo Dell Aquila Mussa está na Raízen, empresa integrada de energia e comprometida com a sustentabilidade, desde 2017. Passou pela vice-presidência executiva da companhia, respondendo pela Logística, Trading e Distribuição do grupo, e em seguida assumiu o cargo de CEO da empresa, onde atualmente lidera uma equipe de 46 mil pessoas. Antes, foi CEO da Cosan Lubrificantes e da Moove Lubrificantes, com atuação em seis países, e foi um dos fundadores e CEO da Radar, empresa dedicada ao investimento em terras agrícolas com alto potencial de valorização.

Além disso, foi membro do Conselho do Westchester nos EUA, empresa do Fundo Pensão Americano responsável por investimentos agrícolas nos EUA, Europa e Austrália, e atuou em multinacionais como a Unilever e a Danone. Comandou a área de manufatura da principal fábrica de cosméticos da Unilever na América Latina e a área de logística da Danone no Brasil. Também trabalhou como diretor global de compras de óleos e gorduras da Unilever e foi responsável pela compra de commodities agrícolas em mais de 25 países.

Fernando de Rizzo – Tupy

Homem branco de terno azul gesticula enquanto fala em microfone

Qual o tema? Força-tarefa de Transformação Digital

O que já fez? Na Tupy há mais de 30 anos, Fernando Cestari de Rizzo foi de estagiário a diretor-presidente da empresa. Ao longo dos anos, o engenheiro mecânico graduado pela Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP) fez pós-graduação na Fundação Getulio Vargas (FGV) e MBA em Marketing e Finanças na Indiana University (EUA).

Antes, a Tupy – multinacional que desenvolve e produz componentes estruturais em ferro fundido de alta complexidade geométrica e metalúrgica – teve o atual CEO nos cargos de diretor vice-presidente da Unidade de Negócios Automotivos e de vice-presidente de Vendas, além de responsável pela área de Planejamento Estratégico da companhia. Rizzo atuou, inclusive, na Sofunge, uma subsidiária da Mercedes Benz adquirida pela Tupy, além de ter trabalhado como engenheiro de desenvolvimento de produtos na Tupy American Foundry Corp.

Claudia Sender – Latam

Mulher branca com cabelo cacheado em fundo cinza

Qual o tema? Força-tarefa de Integridade e Compliance

O que já fez?  Primeira mulher na América do Sul a ocupar uma posição de peso no nicho de companhias aéreas e primeira mulher a presidir uma empresa de aviação no Brasil, Claudia Sender integrou a companhia aérea brasileira TAM, como vice-presidente de vendas e marketing, na época da fusão com a chilena LAN – a origem da Latam, maior empresa do setor na América Latina. Em 2013 se tornou presidente da empresa no Brasil e vice-presidente global da área de clientes.

A líder da força-tarefa é formada em engenharia química pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo e tem MBA pela Harvard Business School. Antes da Latam, integrou a consultoria Bain&Company e passou pela fabricante de eletrodomésticos Whirlpool – onde trabalhou em diferentes áreas até chegar à vice-presidência de marketing no Brasil e de desenvolvimento de produtos na América Latina.

Quando deixou a rotina de executiva, em 2019, se tornou conselheira de diversas empresas de capital aberto e ONGs, como Hospital Israelita Albert Einstein, Amigos do Bem, Gastromotiva e Ensina Brasil. Atualmente, é membro do conselho das empresas Embraer, Gerdau, Holcim (Suíça) e Telefônica.

Gilberto Tomazoni – JBS

Homem branco com camisa azul

Qual o tema? Força-tarefa de Sistemas Alimentares Sustentáveis e Agricultura

O que já fez? Desde 2018, Gilberto Tomazoni é presidente global da JBS, multinacional de origem brasileira reconhecida como uma das líderes globais da indústria de alimentos. Com grande experiência no setor, o engenheiro mecânico com pós-graduação em gestão trabalhou por mais de 25 anos na Sadia, escalando do cargo de estagiário a diretor-presidente. Também ocupou a vice-presidência da Bunge Alimentos para América do Sul.

Na JBS, antes da presidência global, Tomazoni passou pelo cargo de presidente global do Negócio de Aves e liderou a formação da Seara Alimentos, como CEO. Ocupou, ainda, a cadeira da presidência global de Operações. Além disso, desde 2013, preside o Conselho da Pilgrim´s Pride Corporation.  

Paula Bellizia – Ebanx

Mulher branca com roupa branca sentada em sofá

Qual o tema? Conselho de ação Mulheres, Diversidade e Inclusão em Negócios

O que já fez? Com mais de 29 anos de experiência nos setores de tecnologia e consumo, Paula Bellizia lidera a divisão de pagamentos globais do Ebanx, uma empresa global de fintech (tecnologia financeira) que fornece soluções de pagamento para comerciantes e consumidores em mercados em ascensão.

Iniciou a carreira na multinacional Whirlpool e ocupou cargos em empresas globais como Microsoft, onde foi vice-presidente de Vendas, Marketing e Operações para a América Latina; Facebook, onde foi diretora de Vendas SMB para LatAm, Apple, como country manager de Brasil, além do Google, onde ocupou o cargo de VP de Marketing para América Latina.

Formada em tecnologia e pós-graduada em Marketing e MBA pela FIA-USP, Bellizia escolheu o tema diversidade e inclusão como prioridade em sua agenda. Em 2019, foi morar com a família nos Estados Unidos e, durante a pandemia, voltou ao Brasil.



PRELIMINARY AGENDA:
OPENING B20 BRAZIL EVENT
January 29th, 2024 (GMT-3)
(venue to be confirmed)
Rio de Janeiro, Brazil


10:00 a.m.
OPENING
Kickoff B20 Brazil, with the leadership of B20 Brazil and Brazilian government representatives.


11:00 a.m.
INTRODUCTION TO G20 AND B20 BRAZIL
Representatives of the G20 and B20 present the G20 Brazil agenda and overall B20 objectives.


11:45 a.m.
B20 BRAZIL TASK FORCES AND ACTION COUNCIL PRESENTATION
The Chairs of the B20 Brazil Task Forces and Action Council will present the objectives and priorities of each group.


12:30 p.m.
LUNCH


12:00 p.m.
KEYNOTE SESSION
Discussion about the economic and geopolitical context for the B20 2024 cycle.


03:00 p.m.
PLENARY 1: RESHAPING OUR PATHS: INCLUSIVE GROWTH AND NET ZERO TRANSITION
Panel that will explore strategies to promote inclusive social and economic development.


04:00 p.m.
COFFEE BREAK


05:30 p.m.
PLENARY 2: THRIVING IN A CHANGING WORLD: INNOVATION, PRODUCTIVITY, AND BUSINESS RESILIENCE
Panel that will explore strategies for innovation and productivity to thrive and adapt in a changing environment.


05:30 p.m. CLOSING


06:00 p.m. COCKTAIL


https://www.portaldaindustria.com.br/cni/

https://b20brasil.org/